terça-feira, 18 de maio de 2010

O que dá pra fazer é esperar passar

Taí uma coisa que eu adoro, é quando eu entendo tudo errado. Ou quando eu confundo as coisas. Oi, sou rainha disso. De entender tudo errado. Desde 1984, entendendo a vida errado.

Daí né, alguém fala A e você já chuta que a pessoa tá falando A querendo dizer na verdade B + C = D. Quando a pessoa queria simplesmente dizer A. Não é TÃO MAIS FÁCIL a gente apenas escutar aquilo que o outro tá dizendo? Sem gerar terceiras interpretações? Não. Porque minha vida já é fácil demais, e eu gosto mesmo é de complicar. Gosto de transformar o simples numa coisa impossível.

Porque senão, qual a graça que vai ter, né.

O que eu acho REALMENTE ENGRAÇADO é que eu cobro isso das pessoas, serem mais simples, descomplicarem, acreditarem que a explicação mais simples é a verdadeira, porque né, se eu tô dizendo que eu não quero tomar sorvete agora, é simplesmente porque eu não quero ir tomar sorvete agora. E não porque eu te odeio, porque eu tô escondendo qualquer coisa de você ou porque eu acho que você tá afim de mim e agora vou ficar te evitando. Sabe, NÃO É ISSO. Eu só não quero tomar sorvete.

Voltando, eu cobro essa simplicidade das pessoas. Mas eu mesma não sou assim. Eu sou a neurótica que cria desculpas mil para o fato de você não querer tomar sorvete comigo. Provavelmente você me odeia. Ou provavelmente não se sente à vontade comigo. Ou tá escondendo alguma coisa de mim e tem medo de ficar só comigo e acabar me contando.

A explicação mais simples é a mais verdadeira, Ana.

E aquele meu velho problema de nunca demonstrar o quanto as pessoas me afetam. O quanto as coisas simples me afetam. O quanto eu entendo o mundo inteiro errado.

E quem é que entende alguma coisa corretamente?

14 comentários:

Andarilho disse...

A navalha de Occam para relacionamentos, by AnaP.

Ana P. disse...

Ai, xuxu, desculpa minha ignorância, mas... OI???? A NAVALHA WHO???

Andarilho disse...

É um princípio que diz, basicamente, que dentre as várias explicações, a mais simples deve ser a correta.

http://pt.wikipedia.org/wiki/Navalha_de_Occam

Ana P. disse...

Daí eu me pergunto, pq caralhos eu não simplesmente joguei no google, né?

Eu, complicando a vida, abs.

claudia lyra disse...

Complicar é comigo mess. Crio motivos super complexos pra tudo, quando simplesmente deveria enxergar as coisas como elas simplesmente aparentam ser. Aff... compliquei na explicação também...

Beatrix Kiddo! disse...

Porra Andarilho, roubando meu comentário. Ia simplesmente comentar: Occam's Razor.

Thanks a lot, dude! HAUHAUHAUAHUH

Enfim, amei que o título é do Superguidis.

E eu muito faço isso tb. Sou a rainha da desconfiança. Ai a pessoa não quer tomar sorvete, pronto, ela me odeia. Eh muito assim que a minha mente funciona tb! É horrível, mania de perseguição isso aê!

Beatrix Kiddo! disse...

Eu tô me tratando e nada muda! Eu continuo achando que td mundo me odeia.
Mas aí eu venho aqui e vejo que eu não sou a única, mas mesmo assim eu sempre imagino que você me odeia. Pq vc demora um pouco pra responder no msn, ou pq eu te dou mt RT no twitter, ou sei lá, pq eu sempre acho vc parecida comigo.

Ainda bem que hoje eu tenho terapia!

Andarilho disse...

@Beatrix, eu não acho que a Ana nos odeie, eu tenho certeza.

=P

Albuq disse...

Ops, acho que o mais simples nesse muído todinho é não complicar, não colocar expectativas, deixar quieto, esperar... eu acho! kkkk

bjs

Gerundino disse...

Acho que nós não queremos entender as coisas simples pq já tivemos muitos "rolos" e pra nós coisas simples não existem...

Chico Mouse disse...

HAHAHAHAHHA!! "A Navalha de Occam aplicada aos relacionamentos interpessoais", uma monografia by Ana P. :P

Ana P. disse...

Clau: complicadas e perfeitinhas, hihihihihi!

Beatrix: HAUHAUHAUAHUHAUHAUHAUHAUA! Detalhe que li seu comentário enquanto você tava comigo no msn, ou seja, larguei você lá falando sozinha pra comentar aqui e tals, desculpa, eu não te odeio, TÁ, MUITO PELO CONTRÁRIO!!! Eu só sou meio desatenta e tals...

Andarilho: se lascar! Você e a Beatrix faz parte da lista dos que eu mais gosto. Que eu gosto mais de vocês do que de mta gente da minha vidinha real ridícula.

Albuq: não colocar expectativas. Minsina como é que se faz?

Gerundino: existe todo um histórico de complicações na minha vida. Eu curto essa vibe.

Chico Mouse: valeu pela grande dica de monografia, mas perceba, meu curso não me permite trabalhar sozinha. Amo minha faculdade, só amor, carinho e dedicação. ♥

neutron disse...

Cara. Big Bang Theory já. Jááá.

Ana P. disse...

Neutron: acho que preciso de um pouco mais de drama. Gosto de dramas. Amo dramas. Livin' la vida in dramas.